20 de junho de 2010

As religiões insistem em disseminar o ódio e a homofobia até encontrar a morte

video


Este vídeo mostra como a homofobia, que as religiões insistem em pregar de forma frenética, pode destruir completamente a vida de muitas e muitas famílias.

As igrejas não têm a noção do alto grau de sofrimento, humilhação, tristeza, desprezo e violência que elas causam a milhões de Homossexuais no mundo todo, que querem apenas amar e serem amados.

Milhares de GLBTs tentam se suicidar todos os anos, e uma grande parte deles consegue, justamente por causa da terrível e cruel carga que a religião coloca sobre eles, fazendo com que a família os maltrate, rejeite, expulse ou renegue.

O resultado desse incansável trabalho religioso é obviamente o sofrimento, a angústia, o desespero, a discórdia e, por fim, a morte como única forma de fugir das garras da igreja.

Acompanhe no vídeo a desgraça ocorrida na família de Anna e veja como sua mãe conseguiu finalmente abrir seu coração e levantar a voz contra a campanha de morte das igrejas.

5 comentários:

  1. Simplesmente um absurdo !! A bíblia é um livro amplamente metefórico permitindo interpretações diversas. Lunáticos, fanáticos, picaretas oportunistas usam desse fato para manipular, explorar e enganar pessoas. Estamos no século 21 e pessoas ainda acham normal matar ou morrer em nome de "deus".
    Querido amigo coelho acredito que você ja´dever ter assistido ao link abaixo, se não é uma boa oportunidade.

    http://www.youtube.com/watch?v=GLbUdVngk4g

    att.
    Latimeria chalumnae (vulgo Celacanto)

    ResponderExcluir
  2. http://www.youtube.com/watch?v=GLbUdVngk4g
    é isso ai querido amigo coelho !!!
    absurdos e mais absurdos!!!

    ResponderExcluir
  3. como acho esse video no youtube??????

    ResponderExcluir
  4. Aqui está o link:
    http://www.youtube.com/watch?v=qjUOaCpySeo

    ResponderExcluir
  5. Oi
    O convido a conhecer o meu blog de textos, em especial o post "nao-e-pra-todo-mundo"
    que fala sobre a intolerância para os gordos e gays nesta sociedade moderna.

    Obrigado desde já.

    Divulgue e acabemos com o preconceito!!

    ResponderExcluir