26 de setembro de 2009

Achmed, O Terrorista Morto

video

Jeff Dunham, famoso comediante e ventríloquo americano, faz sucesso ao trazer de volta à vida Achmed, O Terrorista Morto.

Em suas apresentações, Achmed, que foi um homem-bomba islâmico, menciona sua relação com várias religiões e a fé que o levou a se explodir num atentado terrorista, na esperança de alcançar o paraíso.

25 de setembro de 2009

Jesus foi um grande perdedor


As religiões têm o hábito (ou estratégia) de descarregar sobre seus fiéis histórias, dogmas e conceitos que não fazem o menor sentido.

Para que sejam minimamente aceitos, são em geral revestidos de uma certa aura mística e misteriosa, o que é decisivo para que o rebanho aceite tudo aquilo sem questionar.

Acrescente agora a “autenticidade por antiguidade” (passe séculos repetindo uma história falsa e ela se transforma em verdade) e as bases de uma religião rica e poderosa estarão lançadas.

Pense sobre as lendas em que se baseia o cristianismo, por exemplo. Ao invés de sair por aí beijando crucifixos e contando seus pecados a um padre, pense comigo:

01) Por que alguém onisciente, onipotente e onipresente precisaria vir à Terra para executar um plano mirabolante criado por seu pai para salvar (?) a humanidade.

02) Pense bem: por que alguém, para nos salvar, teria que morrer?

03) E, afinal, nos salvar de que mesmo? Parece que do pecado cometido por Adão e que nos fez, a todos, nascer maculados, com a pecha de “pecadores”, da qual só nos livraríamos no dia do juízo final. A não ser que... alguém desça do céu para reverter tudo isso e nos salvar.

04) E aí esse deus encarna, vive, prega suas ideias e quando consegue formar um grupo de seguidores e começa a ter alguma influência... vem então a mais inacreditável parte do plano: ele é traído (mas já sabia que isso ia acontecer...), deixa-se capturar, não reage, submete-se a torturas e caminha resignadamente apanhando até a cruz, onde se deixa pregar e sofre até morrer.

05) E, muitos anos depois, um grupo religioso decide fundar uma religião baseada na vida e no sacrifício dele. Como símbolo, escolhem logo a cruz, o instrumento usado para matar seu líder. Faz algum sentido real essa fábula? Não seria mais natural que um deus todo poderoso continuasse todo poderoso quando chegou na Terra, liderasse um grande movimento e derrotasse os infiéis?

Acho que vou fundar uma religião cujo líder será Pôncio Pilatos. Ah, esse sim, um vencedor!

Fonte: Blog Lineu, o Ateu

24 de setembro de 2009

Padre colombiano agrediu menina de 11 anos


Os pais de uma menina de 11 anos acusaram um padre católico de ter agredido a garota por ela ter recebido a hóstia e, em vez de consumi-la, levou-a aos irmãos para mostrar a eles como era, em episódio registrado no norte da Colômbia.

Em entrevista a televisões locais, Samuel Martínez, o pai da menina, disse que a situação aconteceu na igreja Santíssimo Cristo, em La Loma, no departamento de Cesar, norte.

“A menina não consumiu a hóstia, mas foi mostrá-la a seus irmãos, e o padre a perseguiu, pegou-a e lhe deu um tapa”, afirmou Martínez, que lamentou a forma como o sacerdote Ramón Muñoz agiu.

A mãe da menina disse que, assim como a filha, ficou paralisada pelo pânico e não pôde reagir. Ela acrescentou que a menina foi incapacitada e que atualmente recebe tratamento psicológico pelo episódio e não quer retornar ao colégio nem falar com ninguém além das pessoas mais próximas.

Os pais da menina levaram o caso às autoridades. A imprensa local informou que embora tenham procurado o padre, não conseguiram encontrá-lo.

23 de setembro de 2009

Mulher mata seu bebê porque ele não consegue dizer "amém"

JRia Ramkissoon e Javon Thompson

JRia Ramkissoon, uma mulher ligada a uma seita religiosa nos Estados Unidos, foi acusada pelo homicídio em primeiro grau de seu filho, a quem negligenciou alimentos pelo fato de o bebê não dizer amém após cada refeição.

Documentos apresentados às autoridades judiciais revelam que nem a mulher, nem os outros acusados, solicitaram ajuda médica quando a criança, identificada como Javon Thompson, deixou de respirar e morreu nos braços de sua mãe.

A criança tinha 18 meses de idade quando faleceu, em dezembro de 2006, segundo a informação. Sua mãe ocultou o cadáver em uma mala durante mais de um ano, até que agentes da Polícia de Baltimore (Maryland) o encontraram na cidade da Filadélfia (Pensilvânia).

Fontes judiciais indicaram que a mulher estava internada em uma clínica psiquiátrica, e que os outros acusados foram detidos em maio deste ano, em Nova York.

Segundo entrevistas feitas pela polícia com crianças que faziam parte do grupo, os membros do culto deixaram de alimentar a criança porque ela não dizia amém após comer.

Alguns integrantes do grupo consideravam que Javon “era um demônio”, detalham os documentos.

22 de setembro de 2009

Sociedade ateísta da Inglaterra é contra a "cura de Gays"


A National Secular Society (maior organização ateísta e secularista do Reino Unido) enviou carta ao Real Colégio de Psiquiatras e à Sociedade Britânica de Psicologia pedindo que as instituições acompanhem a resolução da Associação Norte-Americana de Psicologia (APA) e orientem seus associados a não promoverem terapias de “cura de Homossexuais” e “reorientação sexual”.

No início deste ano, uma pesquisa revelou que um em cada seis terapeutas na Grã-Bretanha havia tentado ‘reorientar’ pessoas Homossexuais para torná-las heterossexuais.

A APA tirou a Homossexualidade do registro de desordens mentais em 1973 e agora publicou um estudo detalhado afirmando que a Homossexualidade não pode ser ‘curada’.

Na carta, a NSS lembra que “há pesquisas suficientes na área para determinar que não apenas a dita terapia de reorientação não funciona, como expõe os sujeitos à possibilidade de desordens mentais no futuro”.

Ela também enfatiza que a pressão para que esse tipo de tratamento continue a ser oferecido tem base religiosa evangélica, a partir de uma doutrina que condena a Homossexualidade: “A ideia de que uma pessoa deva ser ‘convertida’ de Homo em heterossexual é mais uma demanda teológica do que uma realidade científica”.

A NSS não condena a prática religiosa; em seu estatuto, ela defende “a liberdade religiosa e a libertação da religião”, afirmando que a posição teológica não deve oferecer vantagens políticas, financeiras nem sociais.

Ela luta desde sua fundação em 1866 pela separação completa entre igreja e Estado na Grã-Bretanha, pela retirada de subsídios governamentais à educação religiosa e pela separação entre instituições religiosas e iniciativas nas áreas de Saúde, Direitos Humanos e Legislação.

21 de setembro de 2009

Pastor dá dicas de como lavar bem o cu

video

Um médico, que também atua como pastor, faz uma palestra sobre higiene aos seus fiéis. O tema de hoje é como as pessoas devem lavar o cu. Hilário.

20 de setembro de 2009

Austriaco escapa de acidente, vai à igreja agradecer e morre esmagado pelo altar


O austríaco Gunther Link, um católico devoto de 45 anos, escapou da morte quando ficou preso em um elevador.

Em seguida, foi a uma igreja agradecer a Deus, mas o altar de pedra caiu sobre ele e o matou, segundo o jornal britânico "Telegraph".

O caso ocorreu na Igreja Weinhaus, em Viena, capital austríaca. Link teve morte instantânea, segundo o jornal.

"Ele era um homem muito religioso, ficou assustado quando ficou preso no elevador e rezou para se livrar", disse Roman Hahslinger, porta-voz da polícia.

"Pouco depois, ele saiu do elevador e foi direto à igreja para agradecer", disse o policial. "Ele aparentemente abraçou um pilar de pedra em que o altar estava apoiado, e o altar caiu sobre ele, matando-o na hora.

"O corpo de Link foi encontrado por paroquianos que chegaram à igreja no dia seguinte para assistir a uma missa. As impressões digitais da vítima foram encontradas no altar. O caso vai ser investigado.

Igreja concede Diplomas de Dizimista assinados por Jesus Cristo


Dulce Conceição de Melo, de 65 anos, mãe de Édson Luiz de Melo, ex-zelador, de 45 anos, em Belo Horizonte, Minas Gerais, entrou com ação na Justiça contra a Igreja Universal do Reino de Deus por prejuízo de R$ 55 mil.

Ela teve que pedir a interdição civil do filho para impedir que o prejuízo fosse maior e que ele desse mais dinheiro à igreja. Dulce conta que por causa da igreja o filho teve até que ser internado. Líderes da Igreja Universal do Reino de Deus estão sendo investigados por lavagem de dinheiro e formação de quadrilha.

A Igreja Universal do Reino de Deus foi condenada a devolver ao fiel Édson Luiz de Melo todos os dízimos e doações feitas por ele. De acordo com o processo movido por sua mãe, Edson, que é portador de enfermidade mental permanente, passou a frequentar a igreja em 1996 e desde então era induzido a participar de reuniões sempre precedidas e/ou sucedidas de contribuição financeira.

Segundo o advogado, que representou o fiel, Walter Soares Oliveira, a quantia total a ser restituída será apurada com base nas provas, mas certamente ultrapassará os R$ 50 mil. Além de devolver as doações, a Igreja Universal ainda terá de indenizar o fiel em R$ 5 mil por danos morais.

No processo consta que "promessas extraordinárias" eram feitas na igreja, em troca de doações financeiras e dízimo. Teria sido vendida a Edson Luiz, por exemplo, a "chave do céu".

A vítima também recebeu um "Diploma de Dizimista" assinado por Jesus Cristo. Com isso, as colaborações doadas mensalmente chegaram a tomar todo o salário do fiel, que trabalhava como zelador.

Em virtude do agravamento de sua doença, Edson foi afastado do trabalho, quando então passou a emitir cheques pré-datados para fins de doação à igreja. Ele ainda fez empréstimos em um banco e vendeu um lote por um valor irrisório, para conseguir manter as doações à instituição religiosa.

Em 1ª Instância o juiz havia ponderado que a incapacidade permanente do fiel só se deu a partir de 2001, quando houve sua interdição. Dessa forma, ele entendeu que a igreja não poderia restituir valores de doação anteriores àquele ano, motivo pelo qual estipulou em R$ 5 mil o valor que deveria ser devolvido.

Já em 2ª Instância, o desembargador Fernando Botelho, relator do recurso, considerou que o fiel não tinha "condições de manifestar, à época dos fatos, livremente a sua vontade, já que dava sinais (quando da emissão dos cheques de doação à igreja) de ter o discernimento reduzido" sendo "os negócios jurídicos ali realizados nulos", e por isso determinou, juntamente com os outros dois desembargadores, a devolução do valor integral das doações.

Sequestrador de Avião no México é pastor e estava em missão divina


O homem que sequestrou um avião no México é pastor evangélico, cantor de música gospel, atirador e mestre em artes marciais.

O “Louco”, como é apelidado pelos amigos, abraçou a religião para escapar de uma vida de drogas e pequenos roubos.

O boliviano José Mar Flores, 44 anos, dominou o avião que fazia o vôo Cancún-Cidade do México agitando uma Bíblia e latas de suco cheias de terra e amarradas com fita crepe e fios, de modo a parecerem bombas.

O avião da Aeroméxico pousou na capital mexicana e todos os passageiros desembarcaram em segurança, depois que um tripulante conseguiu acalmar o homem, que leu a Bíblia, chorou, rezou e disse que precisava alertar o presidente Felipe Calderón sobre um iminente terremoto.

“Amo esta nação, amo o povo de Deus, quero que rezemos porque coisas tremendas vêm por aí”, disse Flores a jornalistas depois de ser preso. “Só há uma forma de evitar isso – com união, gritando onde quer que estejamos, seja quem formos, qualquer que seja a nossa religião, implorando a Deus para que isso não aconteça.”

O ministro da Segurança mexicano, Genaro García Luna, disse que Flores contou à polícia que decidiu sequestrar o avião em 9 de setembro de 2009 – 9/9/9 – porque a data é uma inversão do 666, “o número do demônio”. Afirmou ainda que estava acompanhado do Espírito Santo na sua missão.

O homem ainda não recebeu indiciamento formal. Seguidores da Igreja Evangélica onde ele prega, perto de Oaxaca (sul do México), disseram que ele tem o dom da cura, e vizinhos o descreveram como uma pessoa pacata e respeitosa.

Mas um vídeo na Internet revela um personagem bizarro, com obsessão pelo manejo de pistolas no estilo dos caubóis e domínio das artes marciais. Amigos o apelidaram de “El Loco Flores”, segundo o jornal Reforma.

1 de setembro de 2009

Igreja anglicana cria Coral Masculino Gay em São Paulo

Coral Gay de São Francisco - USA

Uma paróquia da igreja episcopal anglicana do Brasil, localizada no centro de São Paulo, iniciou os ensaios do Coral Masculino Gay.

Convidado pelo reverendo da igreja, Arthur Cavalcante, o maestro Walter Fajardo aceitou o desafio de liderar um coral de vozes masculinas. "A intenção é incluir esses homens através da música, fazendo com que participem de eventos culturais pela cidade".

A novidade já conta com a adesão de 12 homens Gays e a meta é que esse número chegue a 40. Corais com esse perfil já estão organizados em cidades como Los Angeles, São Francisco, Nova Iorque e Londres.

De acordo com Cavalcante, a criação do coral "é coerente com a tradição dessa comunidade anglicana de acolher pessoas, independente de sua orientação sexual".

O maestro, que também é frequentador da igreja, diz que a igreja anglicana "trabalha com a percepção da humanidade, ao entender que a dignidade não está na sexualidade".

O reverendo Arthur ainda faz um convite para que qualquer homem participe deste coral, independente de sua orientação sexual, e identificado favoravelmente com os direitos humanos.

Os interessados em participar do Coral Masculino Gay de São Paulo devem entrar em contato com a secretaria da:

Paróquia da Santíssima Trindade
trindade@trindade.org
Praça Olavo Bilac, 63
Campos Elíseos
São Paulo - SP
01201-050
(11) 3667 8161

Assim como demorou a reconhecer a igualdade entre brancos e negros, enfim a igreja começa a reconhecer a igualdade entre Gays e héteros. Mas fica a pergunta: essa igreja já está celebrando também Casamentos Gays? Ou isso ainda é um privilégio apenas dos héteros?